Notícia Completa

Expodireto Cotrijal: uma feira consolidada no mercado do agro

10/02/2020      192

Isa Baumgratz/Jornal O Mensageiro

Com o slogan “ A Gente Vive o Agro”, a 21ª Expodireto Cotrijal foi lançada oficialmente na manhã de 04 de fevereiro, durante um café da manhã que reuniu diversas autoridades. O evento aconteceu no Hotel Plaza São Rafael, no Centro Histórico da capital gaúcha, Porto Alegre. A 21ª edição feira será realizada entre os dias 02 e 06 de março de 2020.

A Expodireto Cotrijal já está consolidada no mercado mundial do agro,  uma feira que reúne as últimas novidades  das áreas de máquinas e implementos agrícolas de produção vegetal, animal e serviços. “ O uso da tecnologia é muito importante na nossa atividade, a única forma de um produtor  agregar renda é no aumento da produtividade.”, afirma o presidente da Cotrijal  Cooperativa Agropecuária e Industrial, Nei César Manica. 

Segundo dados  divulgados pela Cotrijal , no ano de 2000 – primeira edição da feira- o produtor associado à Cotrijal produzia em média 33,5 sacas de soja por hectare, no Brasil a produção estava em 40,2 sacas por hectare e o estado do RS contava com 27,5 sacas. Com a introdução das tecnologias nas diversas áreas que abrangem o campo, a evolução foi constante, hoje o produtor associado à Cotrijal produz em média 67,3 sacas por hectare, em nível nacional a produção passou a ser 55,0 e no estado do Rio Grande do Sul também são 55,0 sacas de soja por hectare em média.

 

Novidade na feira: a Arena Agrodigital

Neste ano, a grande novidade da feira é a Arena Agrodigital, um espaço de 1.700m exclusivo  para as tecnologias digitais do agronegócio que transforma o modo de trabalhar do agricultor em busca de novos resultados. O espaço será adequado para multinacionais, instituições financeiras, agritech’s e startup’s apresentarem suas soluções digitais, o ambiente consolidará ainda mais  a Expodireto Cotrijal como uma das maiores feiras de inovação e tecnologia da América Latina.

Para  Manica, presidente da Cotrijal,  “ a gente sabe que muita tecnologia que vem  e não é usada porque ela é muito cara, então a Cotrijal vai começar esse projeto, que é uma conscientização e também um incremento nas propriedades para que esse custo seja diminuído e que o produtor possa adquirir essas ferramentas e ter assim melhores resultados. ”, ressalta.

O governador Eduardo Leite ressaltou que vê com grande expectativa a Arena Agrodigital. “ Tenho certeza de que essa Arena será uma grande oportunidade para a interação entre produtores sobre a digitalização e tecnologias, além de ser uma oportunidade para que possamos a partir  do agronegócio elaborar novas tecnologias no nosso estado, investindo na tecnologia e no agronegócio.” , afirma.

 

Outro espaço que possui grande procura durante a feira é o Pavilhão da Agricultura Familiar,  em 2020 serão 217 expositores, cerca de 16,6% a mais do que no ano de 2019. Ao todo 128 municípios estarão presentes no Pavilhão da Agricultura Familiar, tendo 168 agroindústrias ligadas ao Programa Estadual de Agroindústria Familiar (Peaf) e 49 expositores de flores, plantas e artesanatos. O crescimento do Pavilhão é superior a 10% se comparado ao ano de 2019.

Para o  presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Rio Grande do Sul ( Fetag), Carlos Joel da Silva, o Pavilhão da Agricultura Familiar é um espaço essencial na feira.  “ Ele abre uma vitrine do agronegócio para o agricultor, não só na venda, mas na exposição para futuramente ele fechar negócios, a agroindústria está crescendo cada vez mais, pois a juventude enxerga uma possibilidade de permanecer no campo.”, ressalta.