Secretária Silvana Covatti visita Emater/RS-Ascar

28/04/2021      136

Foto: Evandro Oliveira/Divulgação Seapdr

Com quase um mês como titular da Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do RS, a secretária Silvana Covatti foi recebida pela Diretoria da Emater/RS na manhã desta terça-feira (27/04), no prédio onde funciona a Instituição, no centro de Porto Alegre. Acompanhada do secretário adjunto, Luiz Fernando Rodriguez, e do chefe de Gabinete, Erli Teixeira, a secretária conheceu a estrutura, gerências estaduais e recebeu o Relatório de Atividades de Assistência Técnica e Extensão Rural e Social (Aters) da Emater/RS-Ascar, aprovado na Reunião Ordinária do Conselho Técnico Administrativo (CTA) da Emater/RS e do Conselho Administrativo (Conad) da Ascar (CTA/Conad), realizada na tarde de segunda-feira (26/04), também no auditório do prédio do Departamento de Economia e Estatística (DEE) do Governo do Estado.

A secretária foi recebida pelo presidente e pelos diretores técnico e administrativo da Emater/RS, Geraldo Sandri, Alencar Rugeri e Vanderlan Vascoselos, pelos gerentes estaduais e assessores, além do chefe de Gabinete, Alexandre Durans.

“Estou muito orgulhosa de ser a primeira mulher a assumir a Agricultura do Estado. É um desafio muito grande, mas vou manter o olhar de mulher e de mãe e seguir defendendo a Emater e a Agricultura Familiar, como sempre defendi nos meus quatro mandatos como deputada estadual”, disse, ao ressaltar que “a Emater, através do trabalho dos extensionistas, elevou a autoestima das mulheres rurais, que hoje têm mais segurança no que gostam de fazer”. Silvana também defendeu o diálogo, o entendimento e as soluções.

 

REESTRUTURAÇÃO

O presidente Geraldo Sandri apresentou para a comitiva da secretária a linha do tempo da gestão 2019-2022, com destaque para a grande reestruturação implantada na Instituição, a partir dos ajustes do orçamento e a renovação do contrato de prestação de Aters com o Governo do Estado, através da Seapdr, “que trouxe a sustentabilidade e a certeza de ter um trabalho para os próximos cinco anos, conquistado com apoio e intervenção do secretário Covatti Filho”, ressaltou, ao citar ainda o Plano de Desligamento Incentivado (PDI); a reforma do prédio do Escritório Central, que deverá ser reinaugurado no início de junho, quando a Ascar completa 66 anos; a repactuação do passivo trabalhistas, a partir de reuniões de negociação com os sindicatos das categorias; e a estiagem e o número de Proagros realizados na safra 2020/2021, que se encerra.

“Estamos investindo em tecnologia, adquirindo 320 computadores e lançando novos aplicativos para beneficiar e levar informações sobre o meio rural do RS”, citou Sandri, que destacou ainda as capacitações e a realização de concurso público, “importante e decisivo para a Extensão Rural e Social do nosso Estado”.